Comunicados 02 JUL 2021 ÀS 17H32

Batistas lamentam perda de pastores no estado paulista

Liderança presta condolências a famílias e igrejas

Por Chico Junior

Nos últimos dias de junho, os líderes da Convenção Batista do Estado de São Paulo prestaram condolências às famílias, amigos e igrejas por luto de pastores. A maioria foi vítima de complicações relativas à Covid-19. 

Pastor Sérgio Medeiros faleceu dia 28/05 (Reprodução)

Após luta durante 7 anos contra um câncer, pastor Sérgio Medeiros veio a falecer em 28/05. Ele pastoreou por 17 anos a Igreja Batista Vila Iório, na qual estava recentemente como membro.

"Ele incentivou e apoiou os trabalhos da organização Embaixadores do Rei, que leva seu nome 'Embaixada Pastor Sérgio Medeiros', homenagem dispensada ainda em vida", comentou o pastor Cristiano Silva, titular da IB Vila Iório. Pastor Sérgio deixa quatro filhos, genros, noras e netos.

Líderes prestaram condolências pelas perdas 

No dia 18/06, a CBESP estendeu pesares pelo passamento de dois pastores, Diógeno Ferreira Chagas e Samuel Biassi do Nascimento.

Pastor Diógeno já enfrentava quadro de saúde delicado, com inflamação nos pulmões, no final de maio passado. A situação se agravou e houve também prejuízo para os rins. O falecimento aconteceu na quinta-feira, 17/06.

Pastor Diógeno Chagas faleceu aos 79 anos (Reprodução)
Aos 57 anos, pastor deixou esposa, filhas e netos (Reprodução)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na mesma data, família, amigos, igrejas e denominação no estado paulista perderam o pastor Samuel Biassi Nascimento, aos 57 anos. Era palestrante e psicólogo de formação. Pastoreava a Igreja Bíblica Evangélica de Bauru, interior de São Paulo. Pastor Samuel deixou esposa, filhas e netos. 

Pastor Luiz Antonio veio a óbito dia 25/06 (Reprodução)
Pastor César Augusto faleceu dia 01/07 (Reprodução)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Internado na quinta-feira, dia 24/06, o pastor Luiz Antonio da Costa não resistiu às complicações da doença e veio à óbito quatro dias depois. A morte ocorreu na madrugada do dia 28. Com 57 anos, pastor Luiz era titular da Igreja Batista Central em Guarulhos, localizada na Região Metropolitana de São Paulo. Ele a pastoreava desde julho de 2000. Deixou esposa, Fernanda, e dois filhos, Estevão Luiz, de 22, e Jônatas Eduardo, de 19.

Na quinta-feira, 01/07, o povo batista ficou enlutado pelo falecimento do pastor Cesar Augusto Ribeiro da Silva, titular na Igreja Batista Tradicional em Pereira Barreto, também localizada no interior do estado paulista. Aos 56 anos, pastor Cesar deixou esposa, Mônica, e três filhos, Daniel, Ester e Davi. 

A Convenção Batista do Estado de São Paulo expressa grande pesar e suplica a Deus que o Espírito Santo console a todos os enlutados.