Opinião 30 JUL 2017 ÀS 13H00

As lições aprendidas no Congresso Multiplique

Uma reflexão sobre a Igreja Multiplicadora

Por Cleverson do Valle

Tive o privilégio de participar do Congresso Estadual Multiplique, na cidade de Guarulhos. O objetivo do Congresso foi transmitir os princípios da Igreja Multiplicadora: Oração, Evangelização Discipuladora, Formação de Líderes, Plantação de Igrejas e Compaixão e Graça.

Congresso aconteceu em Guarulhos (Chico Junior/CBESP)

O preletor principal foi o pastor Dave Earley. Durante suas preleções, ele enfatizou a respeito de três coisas que não podemos deixar de fazer. Ao começar citando Moisés, e passando por Jesus e Paulo, expôs os objetivos que todo líder deve focar.  

Moisés, Jesus e Paulo sempre fizeram essas três coisas: Oraram, Ensinaram a Palavra e Treinaram Líderes

Moisés foi mentoreado por Jetro (sogro), o qual o instruiu a escolher líderes para facilitar a tarefa.

A sugestão de Jetro foi: “escolha homens capazes dentre toda Israel, coloque-os por cabeças sobre o povo: chefes de mil, chefes de cem, chefes de cinquenta e chefes de dez” (Êxodo 18.21).

No verso 25, Moisés coloca em prática os conselhos de seu sogro. Durante toda sua vida Moisés dependeu de Deus, buscava a Ele em oração, ensinava as Escrituras e Treinava Líderes.

O objetivo foi mostrar que o líder não pode estar sobrecarregado, é preciso delegar as tarefas

Jesus levava a sério sua vida de oração. Lucas 6.12 diz que: “Naqueles dias retirou-se para o monte a fim de orar; e passou a noite toda em oração a Deus". O objetivo de Jesus era pedir orientação a Deus a respeito da escolha dos discípulos. Em seguida, Ele escolheu doze homens para treiná-los e ensiná-los sobre a Palavra.

Pequeno Grupo organizando no Acampamento de Promotores

O apóstolo Paulo também era um homem de oração. Treinava líderes e ensinava as Escrituras. Um exemplo de líder treinado por Paulo foi o jovem Timóteo.

Se quisermos ver vidas salvas, a Igreja em franca expansão e o Reino de Deus avançando, não podemos nos esquecer de seguir os passos ensinados, orando, ensinando a Palavra e treinando novo líderes capazes.

Uma estratégia de alcance aos perdidos tem sido os Pequenos Grupos Multiplicadores (PGM) - tema da terceira edição da Revista Batistas SP e assunto também trabalhado durante o 31º Acampamento de Promotores de Missões.

Os grupos possuem um ambiente propício para colocar em prática os cinco princípios de Igreja Multiplicadora, ou seja, orar, ensinar e discipular, formar líderes, plantar novas igrejas e exercer compaixão e graça.

Que sejamos líderes com foco, com objetivo e que a oração, o ensino da Palavra e o treinamento de novos líderes sejam o ponto central de nossa liderança.

Cleverson Pereira do Valle
Pastor da Igreja Batista em Vila Natal - Mogi das Cruzes - SP

Publicidade Bloco Artigos - Lar Batista