Missões 15 FEV 2017 ÀS 13H20

Acampamento reaquece chama por missões

Promotores ouviram testemunhos das ações de Deus

Por Chico Junior
Adoração e louvor durante encontro no 12º evento da JMM
Adoração e louvor durante encontro no 12º evento da JMM. [crédito Renato Viana Albarral]

Voltado a capacitar espiritual e intelectualmente para Missões, o Acampamento de Promotores realizado no fim de semana passado colaborou para reacender os corações batistas. Missionários e missionárias deram seus testemunhos das ações de Deus no campo. Ouvir essas histórias impactou pessoas e já gerou mobilizações em igrejas.

Pela primeira vez no evento, Gilsara Pereira Rezende, da Igreja Batista Memorial de Jundiaí, foi um dos que se sentiram motivados. A fala da missionária Renata Santos lhe encheu o coração. Renata é protagonista e roteirista da série “Caminho de Volta”, exibida em São Tomé e Príncipe e é agora transmitida em Guiné Bissau, onde ela atua. 

A missionária Renata Santos falou de seu trabalho em Guiné Bissau, na África. [crédito Renato Viana Albarral]

Formada em Comunicação e Marketing, Gilsara se colocou à disposição de cooperar com Renata. Até ir à África está em seu coração. Outra conquista foi ter um momento missionário aos domingos. “Os promotores saem de lá incendiados para a Campanha de Missões”, afirmou pastor Cleverson Bigarani, líder e mobilizador em São Paulo da Junta de Missões Mundiais.

Para o pastor, o encontro mostrou o entrelaçamento das agências missionárias da denominação e, em particular, reforçou as iniciativas do estado paulista. “Se torna até uma vitrine”, disse sobre promoção e mobilização locais. “O que eu colhi de informação dos promotores é que o acampamento foi muito bom, com testemunhos impactantes. Houve muita comoção”, concluiu.

 

“No primeiro dia, eu pedi para orarmos às 9h35. Depois, o povo já se lembrava e avisava do horário. Isso já é efeito da proposta.” Pastor Cleverson Bigarani, sobre o Movimento de Oração por São Paulo

Publicidade Bloco Artigos - Lar Batista