Missões 17 MAR 2017 ÀS 15H50

Nova frente prevê ampliar ação em presídios

CBESP estuda iniciativa para projeto-piloto

Por Chico Junior
Ação planeja piloto e fortalecer trabalho já realizado no Estado

Com o propósito de ampliar a ação nos presídios do estado de São Paulo, a CBESP estuda parceira com a Junta de Missões Nacional (JMN). A iniciativa da JMN é começar um projeto piloto que conte com presença batista nas unidades prisionais e ofereça curso teológico a internos. O projeto reforça o trabalho já feito pela Convenção.

"Reconhecendo a ação já realizada pelas missionárias Lídia Silva Gomes, Laíde Mateus Vendramini, e pelos missionários Ozeías Nascimento Sampaio e Oséias Ribeiro, além da ação de outros voluntários, reforçaremos o trabalho de evangelização nos presídios", afirmou a gerente de Missões da CBESP, Harumi Gianastacio.

"É um projeto de longo alcance que precisa de uma gestão bem planejada", disse o pastor César Soares, mobilizador da CBESP. Além do apoio à frente em funcionamento no Estado nos presídios, o objetivo dessa parceria visa proporcionar também curso de bacharel em Teologia à distância para formar pastores entre internos.

A proposta conta com o pastor Luís Carlos Magalhães, da capelania prisional de Missões Nacionais. A intenção é que depois seja adotada em todo o território nacional.

Publicidade Bloco Artigos - Lar Batista