Comunicados 28 SET 2017 ÀS 18H05

Sistema Kairós agiliza e melhora administração

Conheça passo a passo da geração de seu boleto

Por CBESP
Normas mudaram preenchimento dos dados (Reprodução)

Implementado para auxiliar a administração da CBESP, o sistema Kairós vem ajudando a Convenção a se adequar às novas normas do Banco Central (BC) e da Federação Brasileira de Bancos (Febraban). As regras começaram a valer neste ano.

O programa digital Kairós foi desenvolvido para permitir a emissão e o controle dos boletos das contribuições cooperativas. Na avaliação do gerente financeiro da CBESP, Joelson Batista de Souza, esse sistema trouxe mais transparência e segurança.

"Um boleto é mais seguro do que um depósito bancário. Um boleto serve de recibo contábil e é possível rastrear, porque os dados estão ali", afirmou.

COMO FUNCIONA A EMISSÃO PELO KAIRÓS

De acordo com a norma do Banco Central, o boleto (conforme imagem à esquerda) precisa ter o nome da igreja e o destino da oferta (1), valor indicado (2), registro do boleto no sistema bancário (3), data de vencimento (4), e indicação de nome e CPF/CNPJ (5). Todas essas etapas são preenchidas diretamente na tela do próprio sistema Kairós (veja imagem abaixo).

"Quando a igreja já está cadastrada, basta digitar o nome e os demais passos são completados automaticamente pelo Kairós", explicou o gerente financeiro da CBESP, Joelson Batista de Souza.

Para contribuições de R$ 400, deve se preencher apenas o valor 400. Se for R$ 1.000, basta preencher 1000, por exemplo. Um link provisório para geração de boletos, está disponível para contribuintes do Convênio de Igrejas, do Plano Cooperativo, da Campanha de Missões Estaduais, do PAM, e dentre outras ações.

"Outra informação complementar muito importante, sempre que um boleto é gerado, a igreja deverá atentar para efetuar o pagamento após 24 horas. Isto porque de acordo com essas novas normas, necessitamos encaminhar o arquivo do boleto processado para registro nos arquivos bancários. Assim, para que este ciclo seja completo, necessitamos encaminhar todos os arquivos gerados no dia, no final do dia em que foi gerado, por isso, pedimos este prazo para encaminhamento dos arquivos e registros", comentou Joelson.

Boletos só podem ser emitido com informações do sacado ('pagador'), incluindo CNPJ, se for pessoa jurídica

Para que o boleto seja preenchido de acordo com as novas normas, clique no link de geração de boleto e siga as instruções com um exemplo abaixo:

  • Preencha o nome da igreja ofertante. Ao aparecer o nome das igrejas cadastradas, selecione a contribuinte;
  • Selecione o tipo de contribuição e o valor da oferta;
  • Um código de segurança será destacado. Digite o mesmo no campo indicado;
  • Clique em "Gerar Boleto".


Caso ainda permaneça alguma dificuldade com os novos boletos, entre em contato pelo e-mail This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it., ou (11) 3866-6710.

Exemplo:

Para preenchimento adequado, siga as instruções do texto e o exemplo da imagem, completando todos os campos indicados (Reprodução)
Publicidade Bloco Artigos - Lar Batista