Opinião 13 FEV 2018 ÀS 09H36

Cinco perguntas essenciais para sucesso e crescimento

Coach traz reflexão sobre decisões e consequências

Por Marco Garcia

Estima-se que a população mundial tenha chegado a 7,6 bilhões. Existem estudos que afirmam que quase a metade da riqueza mundial se encontra nas mãos de apenas 0,7% da população.

Estes números impressionam, afinal somos apenas uma pequena peça, de muitas, que fazem o planeta terra funcionar. Precisamos nos diferenciar, caso contrário, seremos apenas mais uma pequena peça.

Por isso, nossa primeira luta não é contra nossos colegas de trabalho, sócio ou mesmo um familiar, mas sim, contra nós mesmos. Que tal refletirmos em cinco perguntas?

1 - Você está disposto a deixar seu orgulho de lado e aprender? Seja por meio de um curso ou com um colega de trabalho. As mudanças são necessárias para haver crescimento e nos diferenciarmos em meio à multidão.

2 – Você já se permitiu abrir mão de um conceito antigo para arriscar o novo? Quantas vezes ficamos “presos” a conceitos antigos, simplesmente porque aprendemos com uma pessoa muito importante em nossa caminhada. Não precisamos jogar fora o conhecimento adquirido, mas podemos dar lugar a novas experiências.

3 – Para toda mudança existe um preço. Você está disposto a pagar por isso? Para nos destacarmos e alcançarmos a mudança tão desejada existe um custo. Pode ser financeiro, ético, relacional, organizacional etc.

4 – Existe uma chave dentro de nós que precisa ser virada. Você já encontrou esta chave? Faça uma análise de suas decisões nos últimos anos e os resultados alcançados. Qual o ponto ou a característica mais marcante que o fez estacionar?

5 - Qual é o seu comprometimento com seu sonho e/ou objetivo? Você só conseguirá inspirar pessoas para caminharem ao seu lado, nesse longo trajeto, caso elas acreditem e vejam em você um comprometimento verdadeiro com seu sonho.

Lembre-se, a decisão sempre será sua, como também, as consequências.

Marco Garcia
Coach com foco na gestão de emoções e relacionamentos interpessoais